Saltar Mais e mais Alto – Treino de Impulsão

Nesse Artigo venha comentar e tentar orientar sobre uma das capacidades físicas muito estuda que para muitos esportes é muito importante que é a impulsão , é normal ou até uma exigência para alguns esportes que se tenha 2 metros de altura ou mais , e muitas vezes centímetros que faltam podem fazer toda diferença no resultado final ou até na classificação para ser ou não ser um atleta de alto rendimento, com isso saltar 50cm ou 1metro faz toda diferença , podendo fazer você ser um dos melhores ou só mais um.

Saltar depende do desenvolvimento da massa muscular e da velocidade do musculo, quase que de forma totalitária pelos músculos dos membros inferiores esse movimento é denominada de ciclo de alongamento-encurtamento que seriam ações musculares excêntricas seguidas imediatamente por uma explosiva ação concêntrica, aumentando a eficiência mecânica de o movimento saltar.

Antes que seja feito qualquer forma de treinamento para melhora de qualquer capacidade física é necessário realizar pelo menos no inicio e no fim da temporada testes , para que seja acompanhado a evolução ou não do treinamento , independente qual seja o objetivo a ser alcançado existem diversos testes para acompanhar o rendimento do atleta e com base nisso acompanhar e comparar resultados , no caso estamos avaliando a impulsão a melhora do salto para o esporte, existem diversos testes que podem ser aplicados, mas os 2 mais simples e objetivos são TESTE DE IMPULSÃO VERTICAL E HORIZONTAL.

O Protocolo de realização destes 2 testes é fácil de encontrar na internet , abaixo encontra-se a tabela de classificação do teste de impulsão vertical, para quem tiver curiosidade de saber como esta o próprio salto e na outra imagem encontra-se o resultado de atletas famosos que também já realizaram o teste, ambas as informações foram retiradas da internet.

fafahdhdd

Números difíceis de serem alcançados, mas não impossíveis, todos esses atletas tem uma estrutura física privilegiada que os beneficia , estrutura física muito parecida com os especialistas na modalidade de salto em altura e salta em distancia tem, muito altos e muito leves , com uma composição corporal baixa em porcentual de gordura e com alto índice de massa muscular.

Para quem se motivou com os valores que viu na tabela, fez os cálculos e se imaginou com base na altura que tem e viu que é possível dar aquela enterrada no basquete mesmo não tendo a altura do Michael Jordan e esta disposto a treinar! Treinar! E a treinar vou dar 3 super dicas :

Dica 1: Musculação é fundamental para quem busca melhora de impulsão, basicamente fortalecimento de membros inferiores posso destacar ênfase nos exercícios de quadríceps , glúteos e panturrilha faça variações na velocidade de execução muito lenta para muita carga e poucas repetições(4 a 8rep) e execuções mais rápidas quando tiver menos carga com mais repetições (10 a 15rep) e se for um praticante mais avançado pode treinar potencia com execuções mais rápidas também quando estiver com muita carga e poucas repetições(4 a 8rep).

Dica 2: Outra forma de exercitar e fortalecer membros inferiores e a região da lombar e do abdômen são com os exercícios com peso corporal e de preferencia em pé como por exemplo o agachamento o avanço a passada todos podendo ser realizados com a sobrecarga de pesos (halteres,barras) e todos esses também podendo ser conciliados durante o exercício ou logo após com saltos denominado de treino de pliometria, e nunca se esqueça de alongar, se você não tem flexibilidade você não tem condição de fazer o movimento que é estremo de saltar no máximo da amplitude, alongar principalmente pernas e lombar.

Dica 3: Algumas estratégias podem ser utilizadas como por exemplo pular corda , andar com caneleiras, pular na piscina, subir escadas correndo, diversos tipos de saltos na areia, saltos em caixas ou steps, uso de elasicos como sobecarga. Enfim o mais importante treinar e repetir o salto periodicamente como qualquer treinamento que se queira ter resultados deve ser feito de 3 a 7 vezes por semana com devidos intervalos de descanso de acordo com a condição física do atleta , respeitando individualidade biológica de cada um e de preferencia com um programa de metas estabelecido antes.

Um ótimo exemplo que é possível foi o ex-atleta da NBA Spud Webb jogador de apenas 1,70m que foi campeão do campeonato de enterradas no ano de 1986 na frente do lendário Dominique Wilkins , ganhando não na altura e sim na impulsão.

webbb

Paulo Borba

Cref: 008770-G/SC

Contato: prof.pauloborba@hotmail.com